Bebidas alcoólicas afetam os dentes

A grande maioria das bebidas alcoólicas é extremamente ácida. Consumi-las pode até dar prazer para algumas pessoas, mas muitas vezes não nos damos conta de que, além de elas serem prejudiciais à saúde de um modo geral, também podem afetar os dentes. Parece estranho, mas o ácido contribui para a destruição do cálcio, desgastando o esmalte dental e deixando os nervos mais expostos, o que pode potencializar a sensibilidade, dor e, em alguns casos, estimular a formação de cáries. 

O álcool também desidrata o organismo e, portanto, a boca resseca com a diminuição de saliva. Sem falar no mau hálito que ele provoca. Em casos extremos, toda essa situação pode até culminar em câncer bucal, já que a pele da boca é muito delicada e o álcool é corrosivo para as gengivas e bochechas. Afetando as células desses tecidos, o câncer pode aparecer. Muitas das bebidas, ainda, têm elevada pigmentação, o que causa escurecimento ou amarelamento dos dentes.

Entre as bebidas com muito ácido estão os vinhos – dentre eles, os secos são os mais ácidos. Os espumantes também são bastante prejudiciais, pois suas bolinhas são feitas de dióxido de carbono, substância corrosiva.

Portanto, o ideal é evitar a ingestão de bebidas alcoólicas ou fazê-lo de maneira comedida. Se consumir, uma dica é esperar umas duas horas para escovar os dentes. Na Facial Clin há profissionais que podem te ajudar com algumas dicas sobre o tema. 




  • Grey Facebook Icon
  • Instagram Facial Clin

© 2018 Facial Clin l Odontologia Avançada