Traumatismos dentais são comuns, mas muito perigosos

Traumatismos dentais, sejam eles térmicos, químicos ou físicos, devem ser tratados como emergência. Esse tipo de trauma pode ocorrer em todas as idades, mas são bem comuns quando a criança está aprendendo a andar, ficar em pé, andar ou correr, fase em que ainda não tem equilíbrio e coordenação motora para evitar quedas - é aí que ela se desequilibra, cai e se machuca. Idosos com o equilíbrio prejudicado também podem cair e sofrer com o problema.

Os perigos de um trauma dental são muitos: desde apenas afetar o dente propriamente dito – na maioria das vezes, os incisivos centrais superiores - até os tecidos de sustentação da boca. Por isso, o dentista deve fazer uma boa anamnese e acompanhar o tratamento do paciente, pois os dentes podem sofrer alterações na cor, na posição, na sensibilidade e até a perda do dente traumatizado.

A perda ou machucadura de dentes pode, ainda, causar traumas emocionais por conta da situação estética e pelo susto que provoca, torna-se uma experiência dramática também para os pais ou responsáveis.

São vários os tipos de trauma. Quando ocorre a fratura coronária, envolvendo esmalte, dentina e polpa, as intervenções certamente serão menos invasivas, mas mesmo assim é preciso procurar um dentista. No caso de fratura de coroa e raiz – geralmente resultando em mobilidade do dente – pode haver necrose pulpar ou a necessidade de extração. Já na fratura radicular, envolvendo dentina, cemento e polpa, também pode haver a movimentação do dente. Nesse caso, o dentista certamente proporá o reposicionamento e a contenção rígida e pode haver, ainda, a necessidade de tratamento endodôntico.

Também é possível ocorrer a fratura da parede óssea, o que vai demandar um acompanhamento odontológico mais longo. No caso de concussão, com lesões de tecido de suporte, perda ou deslocamento do dente, o paciente terá que se alimentar por um tempo somente com itens mais macios. Ainda, podem ocorrer vários tipos de luxação ou avulsão (perda total do dente). Em todos os casos, sempre é necessário a avaliação de um dentista.


  • Grey Facebook Icon
  • Instagram Facial Clin

© 2018 Facial Clin l Odontologia Avançada