Amarelou? Foi pra sua boca que a manchinha se mudou?


Dando continuidade ao assunto iniciado na semana passada, para se ter um sorriso branquinho e reluzente existem várias técnicas de clareamento e outros procedimentos que podem ser necessários. A avaliação minuciosa de um cirurgião dentista é essencial para primeiramente definir se as manchas existentes são extrínsecas ou intrínsecas.

As manchas extrínsecas são aquelas causadas exclusivamente pelos hábitos alimentares e agentes externos e que atingem somente a superfície do esmalte dos dentes. Dentes amarelados exclusivamente por manchas extrínsecas são mais fáceis de clarear e todas as técnicas são capazes de chegar em um bom resultado, mas antes de iniciar qualquer técnica de clareamento é primordial realizar uma boa profilaxia (Limpeza) no consultório para remover a placa e possíveis cálculos (tártaros) e ter um resultado mais eficaz.

As manchas intrínsecas são mais complicadas e podem surgir por diversos motivos que devem ser analisados pelo cirurgião dentista de forma detalhada antes de iniciar qualquer protocolo de clareamento. Isso porque os dentes amarelados por manchas intrínsecas precisam de um acompanhamento mais minucioso e somente as técnicas de clareamento em consultório são capazes de chegar a um bom resultado.

Querem saber mais? Continue nos acompanhando que na semana que vem explicaremos como o Clareamento Caseiro funciona ou agende uma avaliação com nossa Gestora Clínica que ela terá o maior prazer em analisar o seu caso e explicar tintin por tintin.

  • Grey Facebook Icon
  • Instagram Facial Clin

© 2018 Facial Clin l Odontologia Avançada